Site Meter KA PUTO DE BLOG

quinta-feira, 18 de fevereiro de 2010

Compartilhamento

- Estou? Que se passa? Já viste as horas que são? Não sabes ligar a horas decentes? Daqui a duas horas tenho de me levantar para ir trabalhar...
- Sabes o que estou a fazer para além de estar a falar contigo ao telemóvel? Estou-me a tocar...
- O quê? Quando é que ganhas juízo? E ligas-me para dizer isso? Estás bêbado?
- Tu é que disseste que querias participar mais na minha vida, saber o que ando a fazer...
- Olha vou desligar. Isto não é normal...Liga amanhã a horas decentes...
- Está bem mãe. Dorme bem. Beijos e até amanhã.

sexta-feira, 22 de janeiro de 2010

Sub-rendimento!

Hoje finalmente tive a reunião com o chefe. Estava prometida há mais de dois meses. Finalmente anuiu e recebeu-me.Pedi a reunião porque não me andava a sentir bem no local de trabalho.
O ambiente não é o melhor, a adaptação aos novos métodos de trabalho não foi a melhor ( utilização da informática na óptica do utilizador mto complexa para mim) e como tal andava a produzir pouco.Chegou-se a uma conclusão boa para ambas as partes. Irei ser emprestado por seis meses à Media Markt com opção de compra no final. O salário será pago 50-50 e sendo uma empresa mais fraca terei teoricamente mais hipóteses de brilhar.
Quem sabe se não dou o salto para uma Worten ou mesmo uma Rádio Popular? Estou com "ganas" de começar e espero adaptar-me o mais rápido possível aos métodos de trabalho do meu novo Chefe. E já sabem: EU É QUE NÃO SOU PARVO! ( já vesti a camisola daminha nova equipa...)

P.S. Obrigado São José Correia por existires:


-Sao jose, era capaz de se despir por uma boa causa?
- Isso nao sei, mas digo-lhe que dec erteza me dispo por uma boa foda!

quarta-feira, 16 de dezembro de 2009

Curtas

- O melhor mês do último ano que passou foi sem dúvida nenhuma o décimo terceiro.

- Sempre que vejo uma velha a fumar penso que deve ter "coçado a tomateira" a vida toda. Velha que trabalhou não tinha tempo para essas modernices.

- Deixar crescer a barba está na moda e também aderi. João Pinto, Carlos Queiroz, Manuela Ferreira Leite e agora Ângelo Dias.

- Ser-se especial é bom? Conheço uma amiga que trabalha com pessoas especiais e é pior que ter amigos sempre bêbados. Nunca se lembram de ti, não andam direitos, babam-se todos e não percebes nada do que dizem...Antes Bêbado que Especial.

terça-feira, 24 de novembro de 2009

Curta e Grossa!

- Puto és sempre a mesma merda. Com os copos fazes-te sempre à minha namorada! Esta merda tem de acabar!
- Tens razão pá! Realmente com os copos toda a merda me parece comestível. Desculpa lá. Mas alguma vez olhei para ela sóbrio?
- Não! Isso nunca!
- Então acho que tens aí um problema!

quarta-feira, 11 de novembro de 2009

POR UMA BOA CA(U)SA!!!!!

Ismael e Clotilde eram casados há 3 anos e ainda viviam com os pais de Ismael.
Levavam uma vida humilde, numa casa humilde mas o amor que os unia fazia com que todos os dias agradecessem a vida que tinham.
Sonhavam em ter uma casa só deles, um casa onde pudessem realmente ser felizes e não ter constantemente o pai de Ismael a assediar Clotilde.
Certo dia, Clotilde descobre que está grávida. Um misto de emoções a invade. O filho que sempre quis finalmente vem a caminho. Mas uma vida a três era o que desejava e de momento tal seria impossível face às parcas posses de ambos. Teria de aguentar mais uns tempos na casa dos sogros. Na primeira ecografia a surpresa maior: afinal estava prenha de três crianças!
Mais uma vez um misto de emoções: o dinheiro era escasso e do espaço para viver nem se fala... Se com um filho muita coisa iria mudar o que fazer com três bebés a caminho?
Será o amor que ambos sentiam suficiente para proporcionarem um bom lar aos filhos?
Ismael desdobra-se em trabalhos para colocar comida na mesa e ainda poupar algum. Clotilde abdica da companhia dos filhos e deixa-os com os avós para também ela trabalhar de sol-a-sol. O Sonho: comprar um terreno na Arrentela e construir uma casinha para onde se mudariam quanto antes.
Passados três anos de uma vida cheia de dificuldades finalmente compram o terreno e começam a construir a casa. Comprando madeira quando podiam, umas latas de tinta aqui e ali e o sonho ia sendo construído. Tudo era feito com amor e finalmente iriam ser felizes e ter o seu cantinho, a sua privacidade.
Mas eis que numa consulta de rotina, Clotilde descobre que tem um problema de saúde e restam-lhe tão somente 4 meses de vida. Foi o vazio. O lar despedaçado. Que iria ser agora desta família? Mas é nestes momentos que o amor é mais forte que tudo e Clotilde decide que o lar irá ser contruído. Nem que seja a última coisa que faça. Quer partir em paz, não sem antes deixar uma casa para os seus filhos e marido que tanto ama!
E assim fazem: dia após dia, noite após noite a casa vai ganhando forma. Seria uma casa humilde, mas seria a casa onde os seus filhos iriam ser criados, com todo o amor e carinho.
Infelizmente Clotilde falece no dia do seu 30º aniversário e a casa ainda está longe de estar concluída.
A notícia da calamidade que assolou esta família percorre jornais e televisões e uma onda de solidariedade invade a população. A Casa vai ser construída com a ajuda de todos. Fazem-se novas divisões, empresas arranjam material de primeira qualidade, uma piscina é oferecida e Ismael incrédulo vê a casa pronta em pouco mais de 1 mês. Uma casa muito melhor e maior do que a que tinha sonhado. O sonho de Clotilde estava completo e pena era que não estivesse presente para assistir a tal milagre.
Ismael chora ao olhar para o que almejou. Clotilde estaria orgulhosa e finalmente agora poderia tentar levar uma vida normal e dar tudo o que os seus filhos mereciam.
Quatro dias depois o seguinte acontece:

Batem à porta de Ismael num sábado de manhã:

-Bom dia. Em que posso ser útil?

-Bom dia. É a casa do Sr. Ismael?

-È o próprio. Mas há algum problema?

-Diga-me você! Sabe o que são leis Sr. Ismael? Sabe que vivemos em sociedade e que as leis existem para serem cumpridas? Sabe disso Sr. Ismael?
-Sim...sei...Mas que se passa? Não estou a entender...Sempre fui cumpridor, nunca fiz mal a ninguém...Não estou a entender.


- Deixe que me apresente: Sou o Sr. Cunha e fiscalizo obras. Ora estamos aqui perante um caso muito grave. Vinha ver um T1 sem anexos e sem piscina e chego aqui e deparo-me com um palácio. Pediu permissão para construir um palácio Sr. Ismael? Se calhar eu é que estou enganado e sendo assim vou-me embora...Sou eu que estou enganado Sr. Ismael?

- Mas eu...com tudo o que aconteceu...se lhe contasse a minha história...não me lembrei de ir à Câmara...

- Eu estou ao corrente da sua história mas há leis Sr. Ismael! Se toda a gente com um problema resolve não cumprir as regras isto torna-se uma selva! E nós não queremos isso pois não Sr. Ismael?

- Não..mas que vai acontecer...Aqueles catterpilers vieram consigo? Vai mandar-me a casa abaixo?

- Não sou eu quem lhe vai mandar a casa abaixo Sr. Ismael. É A LEI! Juvenal, liga a máquina e quero ver esta merda em baixo até à hora do almoço que hoje ainda temos de mandar outra abaixo.

AS LEIS SÃO MUITO BONITAS MAS TÊM DE SER CUMPRIDAS!!!!




A minha Quinta na aplicação FARMVILLE do Facebook!

segunda-feira, 2 de novembro de 2009

Buraca Rulezz!

- Ei Broda, como te chamas?
- Props Broda, sou o Nine, mas os meus amigos chamam-me After Eight!



FESTA DE ANOS DO AFTER EIGHT!

sábado, 26 de setembro de 2009

Hoje aceito gordas!

Na discoteca..Enquanto o Arlindo engatava a amiga, fui dar uma volta até à pista.
Na altura senti que estava a mais e voltei porque, olhando para ti, percebi que te fazia falta para esboçares um sorriso. ELA SORRIU!

-Olha viste? Consegui! Estás triste? - Indaguei...

- Nem por isso. Porquê? Há azar? - Retorquiu ela...

- É por estares longe de casa? - Voltei a indagar...

- Não. - tipo retorquiu novamente

- Eu também já me aconteceu isso. Vir com um amigo para a noite só para fazer companhia e depois levar grandes secas... - afirmei...

- Ai não é isso. Não tem nada a ver. - Negou ela.

- Costumas sair ao sábado à noite? - perguntei eu...

- Ao sábado toda a gente sai. Às vezes até vamos para valença! - outra palavra que queira dizer o mesmo que retorquir, que foi o que ela fez...

- Olha, eu trabalho em Valença. - armei-me eu.

- Onde? - isso que estão a pensar.

- Na PMW. - Inda...afirmei eu.

- Não! Eu forro volantes com pele de piça de boi para aí! Que modelo? - Interessou-se ela

- A8. - Armei-me eu novamente.

-Oh...pois...Esse modelo já não se faz. Era o volante dos CLIOS! - exaltou-se ela...não foi bem exaltar mas já me falta léxico.

- Já que temos algo em comum dás-me o teu número? - Afiambrei-me eu.

-Deve ser deve...fica para a próxima. - Cortou-se a vaca.

- Então Adeus e cuidado com a neve! - Despedi-me eu.

História Verídica e a gaja era bem apresentável se bem que me parecia ter um bocado de photoshop a mais.

quarta-feira, 9 de setembro de 2009

Despedimento colectivo da minha pessoa!

Finalmente deram pela minha (não) presença na empresa e fui despedido!
Desliguei o cabo de rede que usava para aceder à internet e retirei a folha A4 que tinha na secretária para apontar os nomes das gajas que ia adicionando no Hi5. E no facebook. E no tagged. E no MSN.
Um seco cheque de 5 dígitos acorda-me para a realidade. Estou sem trabalho e tenho de fazer pela vida, começando novamente a cavalgada em busca de um novo emprego.
Onde procurar? Onde estão as moradas das empresas? Que sei eu fazer? Que faz aqui esta chinesa? Tudo perguntas colocadas pela minha mãe, pois obviamente sem emprego voltei para as saias da minha mãe e para o meu antigo quarto.
Após alguns meses a tentar encontrar o verdadeiro EU, decido começar a procurar emprego. Falei com um amigo meu que me disse que o meu ex-chefe andava à procura de uma pessoa para o meu antigo lugar. Obviamente candidatei-me e fiquei. Já tinha experiência nesse trabalho, já conhecia as pessoas e a empresa e não iria estranhar o ambiente. Tudo prós para mim e por isso cá estou eu em horário laboral a escrever isto.

Mudando de assunto tenho-vos a dizer que fui despedido. Agora mudando mesmo de assunto, enquanto procurava o verdadeiro EU fui falar com uma vidente Cabo-Verdeana e fiquei estupefacto. Sim estupefacto! Acertou em tudo o que disse pois só falou bem de mim e no fim sai-se com esta preciosidade: Apesar de seres perfeito és uma pessoa que não gosta de correr riscos. Mais uma vez acertou em cheio: Eu geralmente em cruzamentos e quando o semáforo está vermelho páro sempre. É mais forte que eu. Não consigo correr riscos.


Caso não saibam, o Michael Jackson Five morreu um dia destes. Sabendo disto e como era grande apreciador do seu enorme amor por pessoas pequenas, peguei num anão do meu espólio e fiz-lhe uma homenagem. E ainda ganhei uns cobres. Ora vejam:



video

terça-feira, 8 de setembro de 2009

Futebol De Rua

In record,

"A delegação portuguesa que participa no Campeonato Mundial de Futebol de Rua, em Milão, criticou hoje as condições de alojamento disponibilizadas pela organização às seleções, numa base militar da cidade italiana.

Henrique Pinto, director-executivo da associação Cais, entidade responsável pelo projeto em Portugal, afirma que as casas de banho, temporárias e habitualmente utilizadas em festivais de verão, "não têm iluminação e são em número insuficiente e ficam aquém do necessário para servir os 500 participantes".

"Os duches são apertados e alguns não tem água quente", acrescenta Pinto.

Sobre as condições de alojamento, Pinto diz: "Para dormir existem tendas, usualmente utilizadas para receber refugiados de guerra ou de catástrofes naturais, que durante o dia são muito quentes, e gélidas durante a noite".

O diretor da revista Cais testemunhou ainda queixas de mulheres da delegação do Cazaquistão, que referiram "não ter nada disso no país" e questionando-se "como é que se vão arranjar durante a estadia", referindo-se concretamente às condições sanitárias e de habitação.

Para além disso, Henrique Pinto sublinhou não haver qualquer tipo de cuidados ou informações acerca da gripe A H1N1. "Isto pode ser um sinal de como a Itália é fechada, de modo geral, à solidariedade e ao apoio", indicou o português.

A seleção nacional não equaciona a possibilidade de tentar arranjar outro alojamento, à semelhança do que aconteceu no Campeonato Mundial da África do Sul, por comportar uma despesa elevada.

Há dois anos, na África do Sul, Portugal e outras selecções de futebol de rua decidiram sair do alojamento proporcionado pela organização, numa acção de protesto concertado.

Outros elementos da comitiva também se queixaram de não haver cadeados para guardar a bagagem, mas não há queixas sobre a alimentação. "A organização tem de apresentar o mínimo de condições possíveis, não faz sentido manter gente da rua, na rua e na imundice", concluiu o responsável português.

Entre 6 e 13 de Setembro, 48 países vão disputar a sétima edição do Campeonato Mundial de Futebol de Rua, em Milão. "

Mas queriam o quê? São sem-abrigo e queriam ir para Hóteis? Isso não iria interferir no rendimento? E banhos de água quente? Jogadores profissionais como estes têm de ser protegidos e nada como lhes dar as condições que tinham cá em Portugal. Tendas para dormir e banho de água Fria! Faz bem aos ossos!
Agora se correr mal não venham com desculpas de adaptações e merdices parecidas!

PORTUGAL!PORTUGAL!PORTUGAL!

sexta-feira, 17 de julho de 2009

Felipa de Castro - A Entrevista

Face aos acontecimentos que têm assolado o Mundo nestes últimos meses e como pessoa interessada que sou, abro neste blog um novo espaço que visa colmatar a falta de informação respeitante a tão importante tema. Falo obviamente do tão badalado divórcio de Beto com Felipa de Castro, Felipa que este mês conseguiu ficar em primeiro lugar no TOP das "celebridades" que marcam presença em mais festas, no prestigiado jornal 24 Horas.
Por tudo isto, chegamos à fala com tão importante personagem e em seguida segue e entrevista:


EU: Boa tarde Felipa! Antes de mais muito obrigado por me ter recebido e antes de começar-mos gostaria de saber se se chama Felipa ou Filipa?

FELIPA de CASTRO: Boa tarde! Sim, o meu nome escreve-se com i.

EU: Mas leva i depois do F?

FELIPA de CASTRO: Mas qual F?

EU: Bom, muito se tem falado de si nos últimos tempos e é muito requisitada para estar presente em festas. Foi com isto que sempre sonhou?

FELIPA de CASTRO: Repare, eu já levo no pito vai para cima de 20 anos. Confesso que o Beto me abriu muitas portas, até porque os meus antigos namorados ou jogam no Olivais e Moscavide ou no Oriental. Sinto-em orgulhosa por quem escolhi e quem fala mal de mim é porque tem inveja do que eu já adquiri até hoje.

EU: Mas sinto uma certa vaidade nas suas palavras. Sente que há muita gente que a inveja pelo que já adquiriu?

FELIPA de CASTRO: Repare, claro que sim. Tudo o que eu adquiri foi com o meu esforço, saiu-me do corpo. Se neste momento tenho Hepatite B e Hepatite C deve-se ao trabalho que tenho desenvolvido nos últimos tempos.

EU: Sente-se uma pessoa diferente desde que adquiriu essas Hepatites?

FELIPA de CASTRO: Repare, não vou dizer que não tenho um certo orgulho, mas custa-me muito pessoas que nada têm porque nada fizeram para ter, estarem constantemente a falar mal de mim. ( Vómito de sangue sobre a mesa).

EU: Há rumores que dizem que, ou já adquiriu, ou está para adquirir SIDA. Têm fundamento estes rumores?

FELIPA de CASTRO: Repare, obviamente que com a vida que levo, é uma possibilidade mas neste momento posso confirmar que ainda não adquiri SIDA.

EU: Mas está nos seus planos futuros?

FELIPA de CASTRO: Repare, o futuro a Deus pertence, mas se realmente vier a adquirir SIDA é porque trabalhei para isso e fiz por merecer tal benesse. Tudo o que tenho saiu-me do corpo e desde já agradeço dar-me a oportunidade de esclarecer estas coisas e posso até dizer que se adquirir SIDA o Ângelo será o primeiro a saber ( gargalhadas). Mas confirmo que é um dos meus objectivos a médio prazo.

EU: Muito obrigado. Será uma honra! O que dizem os seus filhos sobre tudo isto?

FELIPA de CASTRO: Repare, sentem orgulho como é óbvio e a melhor prenda que me podem dar é dizerem que um dia querem ser como a mãe.

EU: Para finalizar gostaria de deixar algumas palavras aos nossos leitores?

FELIPA de CASTRO: Repare, simplesmente gostaria de dizer que não me invejem pelo que já adquiri. Tudo o que tenho fiz por merecê-lo e prometo que não vou parar por aqui.

EU: Muito obrigado e felicidades para os seus projectos futuros.

FELIPA de CASTRO: Repare, ora essa...

quinta-feira, 18 de junho de 2009

Gravilha na Virilha

Analogias. Sempre gostei de analogiar sobre as coisas. E a analogia de que irei falar hoje é provavelmente a maior analogia do mundo e no fim de lerem todos vão dizer:

Fodasse, não é que é mesmo a PUTA da analogia! Nunca vi uma analogia tão perfeita! Em analogias ninguém bate este gajo! Já disse que esta é a PUTA da analogia?

E a analogia é esta: Ir às putas é exactamente a mesma merda que ir dar sangue!
Um gajo vai sempre às putas porque os amigos também vão mas nunca pensa em gastar dinheiro naquele vaquedo que por lá anda. Beber um copo, ver o ambiente, talvez ver umas mamas é o máximo que se quer dessa noite. Quando se vai dar sangue é exactamente a mesma coisa. As agulhas fazem-te impressão, não gostas daqueles ambientes e só vais acompanhar os teus amigos escuteiros que fazem o bem e com sorte talvez vejas umas belas enfermeiras que não conseguiram média para entrar em medicina...Mas depois tanto num caso como noutro pensas: Já que estou aqui que se foda!!!! MANDA VIR!!!!

P.S. Nunca entendi os meus amigos quando me dizem que foderam até ver estrelas. Eu geralmente fodo até me vir.

terça-feira, 19 de maio de 2009

Lar de Idosos em Chamas

Amílcar e Zulmira estão em frente à televisão a assistir ao Preço Certo em Euros enquanto emborcam um garrafão de 5 litros do mais belo tinto feito precisamente com as uvas de Amílcar. Seria uma noite normal não estivessem eles a festejar as bodas de ouro e com o aquecedor ligado, situação esta que só acontecia em ocasiões especiais.

Já perto da montra final e enquanto o gordo tira o casaco para toda a gente ver que se está a desfazer em suor, Zulmira diz que está um pouco farta da relação que ambos têm debaixo dos lençois e que o sexo entre ambos entrou numa monotonia confrangedora.

- Já não me fodes da mesma maneira Amílcar. Nem a camisa de noite me tiras. Já não me afagas o berbigão como antes. Já não te excito? –Exclama Zulmira enquanto prepara uma sopa de vinho.

-Não é nada disso Zulmira. Ando muito stressado. Sabes bem que nas alturas da apanha da azeitona ando sempre na lua.

- Já não te excito não é? Foi por ter metido o aparelho nos dentes? E porque é que quando me dás banho já nem nas mamas me tocas?

Obviamente Amílcar entendeu que era o álcool a falar e como sempre, Zulmira quando entra naquele estado tal de embriaguez diz as verdades sem pensar nas consequências de tal ato. Amílcar apresta-se para tirar o cinto e mostrar a Zulmira que o garrafão quase vazio não serve de atenuante nestes casos de clara falta de respeito para com o seu companheiro de tantos e tantos anos.

Zulmira põe-se a jeito e Amílcar enquanto impõe o respeito que a situação merece e vai dando uma olhada à montra final para ver se consegue adivinhar o preço certo, vai também ele dizendo umas verdades:

- Desde que usas fraldas não és a mesma. Já não me ouves como antes e tens essa boca feita em merda. Dizem que o amor vence barreiras, mas essas fraldas com abas largas que usas tiram-me o tesão todo. Se não as usas mijas-te toda durante a noite e apanho cada susto! Até te digo mais: Foder-te é um favor que ainda te faço.

- Já ouviste falar em ménage à trois? – interroga Zulmira voltando a pôr o aparelho nos dentes enquanto se tenta levantar com a ajuda das muletas.

- Que dizes mulher?

- Falaram disso no programa da Júlia Pinheiro. Dizem que é bom para reacender a chama. Para voltar-mos a sentir calor. Fazias-me a mim e à nossa vizinha Lucinda na cama dela. Tem de ser na cama dela porque como sabes ela está acamada vai para vinte anos e também merece coitada.

- Mulher, aturei-te 50 anos e nunca disseste nada tão sábio. Essa Lucinda sempre me mandou uns olhos...Achas que ela alinha?

- Que remédio tem ela. Se não alinhar morre à fome.

Toda a experiência corre às mil maravilhas e Zulmira e Amílcar voltam para casa satisfeitos da vida e têm ambos a noção que salvaram o casamento das garras da monotonia que até então prevalecia.

Infelizmente Zulmira no dia seguinte falece vitima de uma doença chamada velhice e Amílcar trata de meter os papéis para casar com Lucinda.

P.S. – Por isso nunca metam o nome de Zulmira a uma filha ou filho vosso. E também porque são sempre os últimos nas turmas a receber os testes ou a dizerem presente na chamada. E neste caso os últimos não são os primeiros.

Já cheguei a Esposende, pela média daqui a oito horinhas já devo estar na Capital.



"Amílcar no Carnaval de 78, longe de imaginar que as fraldas ainda iriam abalar o seu casamento"


terça-feira, 12 de maio de 2009

Vitela à solta em Lisboa

O animal, com cerca de 120 quilos, fugiu na

zona da

Pontinha e só acabou por ser interceptado

no Campo Pequeno.


Uma vitela com pelo menos 120 quilos foi hoje perseguida

por viaturas da

PSP desde a Pontinha até ao Campo Pequeno, onde o

animal foi finalmente

imobilizado, disse à Lusa fonte do Comando

Metropolitano de Lisboa.

De acordo com o oficial de dia da Polícia de Segurança Pública,

o animal estava

a ser perseguido por duas viaturas da PSP desde a Pontinha,

mas foram necessárias mais três para o bloquear cerca das

12:50 na parte de trás do Campo Pequeno, em Lisboa.

Segundo a mesma fonte, duas das viaturas "sofreram alguns danos",

tendo o animal sido posteriormente transportado numa carrinha de

caixa aberta para o canil municipal.

A PSP está a tentar apurar a origem da vitela, com um peso estimado

"entre os 120 e os 130 quilos".


In JN " 11 de Maio de 2009"

















" Só tenho esta barriga porque ando

com o organismo desregulado mas a

ganga favorece-me o rabiosque e por

isso há que fazer sacrifícios se quero

copular sistematicamente"





sexta-feira, 8 de maio de 2009

PARA TI MOR!

Todos os grandes homens que foram grandes desportistas quando se reformam ganham sempre uns kilos valentes e ficam bajolos. Deixam um rasto de gosma por onde passam e pingam tudo com aquele suor que pede para emagrecerem urgentemente.
Então alguém me explica o porquê da Rosa Mota continuar na espinha? Será doença?


"Rexona for Men nunca falha, mesmo nos momentos de maior tesão"

quarta-feira, 8 de abril de 2009

Verruga ou Clitoris?

Sinto-me tremendamente cansado. E tenho duas razões para tal.
Primeiro porque acabei de praticar o coito na posição mais desconfortável que existe. Chamam-lhe "os entendidos" a posição de missionário e dizem ser a posição mais antiga e que 90% dos casais a praticam ( informação recolhina na revista Gina de dezembro de mil nove noventa e quatro, página 18, por baixo de uma foto sensual da Simone de Oliveira).
Eu gosto muito de animais e confesso que me dá um certo gozo vê-los a copular como se não houvesse amanhã e tenho a certeza que nunca os vi a praticar essa tão fixe e tão antiga posição.
Eu nessa posição só vejo inconvenientes : faz-se uma força brutal com os braços para manter o equilíbrio ( fixe para os tríceps, mas levar o lixo à rua tem o mesmo efeito), as normais lambidelas nas mamas para além de desconfortáveis são muito complicadas e mesmo a própria visão das mamas se deteriora um pouco, estás mesmo de frente para a fronha da gaja e se por ventura " te desleixas" e queres entrar "por engano" nas traseiras a tua façanha torna-se praticamente impossível.

E a segunda coisa que fiz foi preencher o IRS. Espectacular e aconselho vivamente apesar de ser muito cansativo. Aquilo é como um jogo onde vais variando montes de números e vais fazendo sistematicamente simulações. Eu joguei até fazer uma simulação que dizia: Você vai receber 6567 euros. Estava já farto de jogar e submeti.


Neste momento no carro tenho isto no meu leitor de cassetes:


"Chamar-se Maddy é pura coincidência"

quarta-feira, 25 de março de 2009

Bolinhas Anti-Stress!

Baltasar é casado com Noémia e trabalha na Cerâmica Rosa. Certo dia enquanto fuma um cigarro na casa-de-banho da empresa é informado que foi despedido e tem até ao fim do dia para entregar a farda.
Revoltado, vai ao Leclerc e compra raspadinhas no montante exacto de 27 euros. Por uma cruz não ganha 40 euros.

Chega a casa e espera que a sua mulher se vista enquanto esta se despede do Anselmo. Entra!

-Despediram-me.
-Ai a minha vida! Então porquê?
-Por causa das conjunturas.
-Essas putas. Eu não te disse que essas putas te iam foder a vida? Foda-se oh Baltasar. És como um congro caralho. Nem na fábrica dos teus pais? E gozavas com o Anselmo por ser Padeiro. Foram as conjunturas? Pergunta ao Anselmo quantos bijous saem num dia? E cacetes? E vigaristas e sidónios...Conjunturas o caralho...
Mete os olhos no Anselmo meu triste. Viste o Escort rebaixado que está lá fora? Pois é! É do Anselmo.

- Ainda gostas do Anselmo minha puta?

- Não me venhas com delicadezas. Não comeces com puta para aqui, puta para ali.Tu põe-te no teu lugar Baltasar! Não vales merda! E Já viste o Anselmo a mexer na farinha? Eu preciso de comer...
- Por uma cruz não ganhei 40 euros hoje.Vou emigrar mulher. Vou para o Brazaville. Vens comigo? Vou ter com o Ramiro e trabalhar na apanha do morango! Podes vir trabalhar também.
-Não me parece. Vou agora para Trás-os-montes não? Faz frio lá. Principalmente no Inverno.
-Então ficas?
-Sim.
-Fodinha da despedida?
-Pode ser.

Mais um lar destruído devido às putas das conjunturas.

quarta-feira, 18 de março de 2009

Cláudia Vieira - FOTOS - SEIOS

Tenho as virilhas numa lástima.
Cheiro tremendamente mal dos pés.
Tenho o cú cheio de borlocas, borlocas essas que se misturam nos pêlos fazendo uma combinação explosiva para o paladar.
Estou pior que um gordo à saída de uma sauna.
Provoquei um incêndio pelo simples facto de acender um cigarro.
Chegou o Verão.

quinta-feira, 5 de março de 2009

Declaração IRS 2008- Download Grátis!

Meu amor escrevo-te esta carta:
Sempre foste a minha paixão. Via-te a passar de chupeta na boca e já aí pensava no prazer que um dia me poderias proporcionar.
Sim eu ia-te espiar ao infantário. Se calhar não reparavas porque na altura andavas enroscada com o Fonseca que era o único que tinha pêlos nos colhões e tinha um iô-iô da Coca-Cola que dava luz e piscava.
Na primária via-te a chupar a palhinha do leite achocolatado e pensava para mim: vais ser tão feliz minha puta.

Amo-te minha puta. Sempre foste a minha puta. Na Preparatoria adorava ver-te na aula de educação física e fazer flexões....ui que comichão me dava.... fode-me por trás dizias tu enquanto via o quaresma a marcar um golo na Luz....mete uma cenoura dizia eu lembras-te? bons tempos quando ao domingo víamos um filme "inteligente" e tu farta me fartavas de o sacudir..tão bom...Porque é que eras tão burra? porque é que nunca fazias perguntas? tão perfeita e deixei-te fugir...O problema é que só me lembro das coisas boas:

- Isto é um livro amor, há escritores e depois nascem livros.
- o cu vai dilatando e não engravidas. Juro
- que 500 euros? não me lembro.
- vais estudar mais? não sejas masoquista.... masoquista o que é? é um país.....
- sim amor..o mundo não é só Portugal....quando dizem yes não estão a gozar contigo.
- Importas-te que fume enquanto comes ?
- Sim, o cachorro é feito de pele de piça de cão...dahhhh



Fica a recordação de te ver nua com um guardanapo a limpar a fronha....memórias que ficam para sempre.


Disseram-me que a linguagem neste post era forte de mais, por isso onde leram Puta, pensem em mulheres da vida que fodem por dinheiro ( Putas).

segunda-feira, 9 de fevereiro de 2009

NÃO À CIÊNCIA!!!!

Estudo norte-americano
Fumadores frequentes de marijuana têm mais 70 por cento de risco de ter cancro dos testículos

Um grupo de investigadores norte-americanos publica hoje um artigo na revista Câncer que estabelece uma associação entre o consumo de marijuana e o risco de desenvolver cancro nos testículos. Segundo os dados obtidos, um fumador frequente de marijuana tem mais 70 por cento de risco de vir a desenvolver um cancro nos testículos. Comparando com alguém que nunca fumou, os consumidores que recorrem a esta droga numa base semanal ou que a usaram durante longos períodos na adolescência enfrentam o dobro do risco.


POR FAVOR PAREM DE INVESTIGAR!!!!!!!!!

terça-feira, 27 de janeiro de 2009

Auto e Hetero Avaliação

O Ângelo hoje fez a barba e acordou sorridente.
O Ângelo hoje irá produzir muito pouco devido a fortes dores nas partes baixas.
O Ângelo ontem fez amor consigo próprio. E com outra pessoa também.
O Ângelo acordou hoje mais magro 100 euros, mas aprendeu duas novas palavras em russo. 50 euros cada palavra.
O Ângelo gostaria de ter sido jogador de futebol profissional. O Ângelo vai adoptar a táctica de falar sempre na terceira pessoa.
O Ângelo ficou contente com a crise. Em 2007 teria emagrecido 200 euros.
O Ângelo vai agora ler os jornais desportivos. O Ângelo despede-se.

terça-feira, 20 de janeiro de 2009

AMOR DE PAI!

Cenário de uma bela história com uma certa pincelada de comicidade: Sala da casa de meus pais, sozinho, nú e com a toalha a meu lado para a futura e merecida banhoca, sentado no cadeirão do meu querido pai, televisão ligada no 0 (zero), vídeo VHS no play a ver uma bela performance pornográfica de Jenna Jameson, essa bela musa do cinema hardcore.
Encontro-me a ver a primeira cena quando acontece o inesperado:

-Olá filho.
- Então Pai. Tudo bem? Não ias chegar só às oito?
-Sim mas fui despedido. Que tás a ver? Essa não é aquela artista com nome de marca de whisky?
- É, mas podes por favor estar calado e deixar-me concentrar?
- Importas-te que me sente e veja um pouco contigo? Arranja aí um espacinho para o teu pai.
- Esta cena não será forte demais para ti? Olha o coração Velhote....
- Isto para mim é rápido. É do stress sabes? Fodasse que a gaja é toda foda! ahhhhhhhh!!! Empresta-me aí a toalha filho...Olha que há mulheres habilidosas!!! E tu não te vens?
- Fodasse oh pai e se te calasses? Assim não dá caralho....
-Desculpa. Vou tomar banho. Não te esqueças de limpar o chão. Dá cá um beijo ao pai meu filho.
- Oh pai. PÕE-TE A ANDAR CARALHO!!!!!!

Realmente é isto que fica desta vida. São estas recordações que ficam connosco até que a morte nos separa.



"O meu whisky preferido é o VAT69 e só tenho pena de não ter uns seios maiores" - Jenna Jameson, 1997, durante a rodagem do filme Entrada pelas traseiras

sexta-feira, 12 de dezembro de 2008

Volta para casa Rodolfo!

É num rio de lágrimas que escrevo estas palavras e ainda não acredito no que me aconteceu.
Tudo corria de feição e de repente o meu Rodolfo desaparece! E de quem é a culpa disto ter acontecido? Obviamente do meu coração fortemente amolecido por ter o controlo remoto avariado e ter o azar de estar sempre a ver o canal Panda.
O Rodolfo era muito caseirinho e fazia praticamente um ano que não metia os pés na rua e aqui o sensível achou que o deveria levar a passear, a divertir-se um pouco! Até cortei umas calças e emprestei-lhe uma camisola do Bob o Construtor para usar. Desde que bebi azeite virgem extra puro para enganar o balão da bófia que não cometia tamanho erro.
Rodolfo se me estás a ler isto é para ti: Volta e prometo-te que passas a dormir na marquise e sais da varanda. Trocas com o Rafael. E arranjo-te um balde para as fezes. Volta Rodolfo. A estante fica tão vazia sem ti...E para veres que quero mesmo que voltes vamos ao Sr. Doutor ver esse teu problema no braço, que ora vai cair, ora já não cai, ora está roxo, ora está vermelho e roxo...

Como recordação aqui fica um pouco da última conversa que tive com ele: eu disse chuta Rodolfo e ele disse vou-me magoar mestre e eu disse isso logo passa e ele disse chuta tu e eu disse ok e ele disse magoou e eu disse chutavas tu e controlavas a força e ele disse és mau e eu disse era mau se tivesse sido nos tomates e ele disse tens razão e eu disse por alguma razão os anões conseguem chutar a própria cabeça e ele disse exacto, tudo tem uma razão e eu disse ora chuta então e ele disse ok e eu disse não cuspas os dentes que é feio e ele disse vou desmaiar e eu disse olha o chuto para a bancada!

Em baixo as últimas imagens dele, quem o vir por favor que me contacte para o ir buscar e não o maltratem que tem dono.








video

quinta-feira, 4 de dezembro de 2008

Viagem de Finalistas = Free Hardcore Sex

Entrado um novo ano é tempo de fazer uma análise detalhada ao que de mais relevante me aconteceu no ano transacto.
Tenho vários interesses e como qualquer comum dos mortais vivo para as pequenas mas maravilhosas coisas que a vida nos proporciona, ou seja, vivo para o putedo e para o dinheiro.
Tenho dificuldade em escolher o que prefiro mais e temo que não consiga dissociar o putedo do dinheiro. Quando falo em putedo estou no meu íntimo (sim tenho íntimo) a pensar em dinheiro e vice-versa.
É o mesmo que tentar responder às perguntas: "Preferes a Popota ou a Leopoldina?" ou "Quem morre primeiro? A Eunice Munoz ou o Ruy de Carvalho?" ou ainda " O que aconteceu ao Vidal Sasson?"
Quanto a dinheiro o ano não me poderia ter corrido melhor, pois atingi os objectivos a que me propus, fodendo todo o dinheiro que tinha. Aqui estou de consciência tranquila!
Quanto ao putedo foi um ano dividido em duas partes. A primeira e a segunda. Na primeira parte treinei pouco pois estive lesionado, restando-me o segundo semestre para recuperar o tempo perdido. Quando o objectivo traçado parecia impossível de alcançar fui um mês e meio "trabalhar" para perto da fronteira Polaca! Obviamente objectivo cumprido!

P.S- Dizem-me agora que ainda não terminou o ano e que me antecipei. Respondo o mesmo que noutras alturas: " Antecipei-me? Tu é que te atrasaste! Queres um dedo? "

O Puto soltou-me e levou-me a conhecer Paris! O Próximo Post é meo!

sexta-feira, 28 de novembro de 2008

Azar do Caralho!

Não ficam fodidos qando fodem ma letra do teclado? Há merdas qe não lembram ao diabo.
Ao menos a letra qe fodi foi o , qe é ma letra qe não so mito!
Serve de lição! Nnca chegar bêbado a casa e tentar ainda ver m poco de pornografia na internet para ajdar a adormecer.
Podia ter sido pior! Ainda posso ir ao Google e escrever pornografia ANAL+ big tits+ asian+ free

Por isso está-se bem e qero qe se foda a pta da letra .

terça-feira, 18 de novembro de 2008

Olha calhou cócó!

Ontem pela segunda vez na vida vesti um fato e usei gravata. Desta vez não o vomitei.
Entrei pela primeira vez num tribunal para resolver um caso pendente que tinha com a justiça portuguesa e com isso descobri que a parede do edifício onde me apoiava para a Arlete me satisfazer oralmente quando a professora de Trabalhos Manuais faltava se chama "Tribunal".
Fui acusado de violação na forma tentada ( tentei mesmo), assédio sexual ( culpado) , agressão ( já não se pode educar as donzelas...), roubo ( curti as botas da gaja) , posse de droga ( tinha vários comprimidos) e documentos falsos ( tinha um cartão da biblioteca de um amigo meu).
O acusado? Muáméme! A puta badalhoca acusadora? Lucy Swallow !

O caso apresentava-se complicado para o meu lado e como tal uma medida drástica se impunha. Fazer a Sra. Dra. Juíza no gabinete enquanto o neto não chegava e esperar pelo veredicto.
Ganhei e fui comemorar!
Estava num bar com uns amigos e vem a mesma puta( incrivelmente parecida com a Jodie Foster) roçar-se a todos, a mostrar os peitos e começa a comer um amigo meu e a insinuar-se para todos os outros...

- Fode-a em cima da máquina de flippers Rafael! - gritei eu...

- Ela disse não...

- Tens a certeza que foi isso que ela disse? Ora sai daí oh panilas...Essa está com a tusa toda, quando dizem não é quando querem mais...Vai para o fim da fila. Andor!!!!

Enquanto dava a vez a um colega meu deu-me um daqueles flashes em que um gajo pensa: Eu já vi isto em qualquer lado. Mas não liguei e voltei para a fila.
No final ela até chorou de tanta emoção. Disse que nunca lhe tinha acontecido nada parecido...Vivo para fazer os outros felizes.


O objecto de uma noite muito bem passada na companhia dos amigos!

sexta-feira, 31 de outubro de 2008

MC Hammer Vs. Vanilla Ice

As eleições nos EUA aproximam-se e como em todas as eleições que por lá se passam vai haver jogo até ao fim. De um lado ( o mais escuro) temos Obama e do outro temos o Mccain. Muitos dizem que irá ser uma disputa entre a mudança preconizada por um jovem inexperiente como Obama ( só tem dois anos de experiência em cargos políticos) e entre um velhadas herói de guerra com muita experiência de vida política que mal se aguenta de pé de nome Mccain( Lê-se ÉMECICAIN).
Para mim é e sempre será uma luta entre um branco e um preto. Tal como na disputa entre MC Hammer e Vanilla Ice penso que a vitória irá recair sobre o Branco. Sempre foi assim e sempre será. Lembro que Vanilla Ice ganhou a disputa pois entrou no premiado filme das tartarugas Ninja em que num final apoteótico canta o grande Hit " GO NINJA GO NINJA GO GO".
E eles vão...
E o que fez o Mccain para ser um herói de guerra e ser recebido como um herói? Deixou-se ser atingido por uma catana vietnamita e despenhou-se num avião de 20 milhões de dólares. Como bom herói deveria ter morrido no desastre mas não. Ejectou-se e foi feito refém durante 6 anos.
Despenhou um avião caríssimo, foi apanhado e não matou ninguém...Realmente tenho de rever a definição que tinha de Herói.
E perante isto o caso apresenta-se bicudo, porque por um lado um é preto e o outro já se viu que não tem estaleca para "guiar" os destinos estado-unidenses.

Por cá o Portas convocou eleições antecipadas no CDS...Estou em pulgas para saber quem ganha!!!

quinta-feira, 23 de outubro de 2008

LUCY SWALLOW

Gaja que é gaja tem de ter um bom corrimento. E o que é um bom corrimento? É um corrimento que dê gosto ver. Que nunca se atrase. Que seja constante, inodoro e que tenha uma textura uniforme.
Muito da personalidade da gaja está no seu corrimento. Se agora me perguntassem qual era a palavra mais bonita na língua portuguesa eu diria corrimento...corrimento,corrimento.
Depois do normal sexo na primeira noite, muitos cometem um erro crasso. Estão-se completamente nas tintas ( repararam que usei tintas ao falar de corrimento? que piadola!!!) para o corrimento da respectiva e partem do princípio que terá um corrimento normal. Nada mais errado! Primeiro não há corrimentos normais. Ou se tem um corrimento espectacular, com presença, ou tem-se uma amostra de corrimento.
Por se pensar nas coisas com muita força não quer dizer que elas sejam mesmo assim! Eu também penso que todas as gajas com uma tatuagem nas costas gostam de levar por trás e não sei se será verdade!
Há gajas que têm tatuagens nos pés...Que ridículo levar com o tarolo nos pés....Mas há gostos para tudo. Tal como os corrimentos.
Por isso antes de começarem a realmente ter uma relação "séria" com a gaja analisem o corrimento e se não fôr como disse antes deixem-na logo!
Bem, se tiver uma tatuagem nas costas caguem para o corrimento!


Isto é um corrimão! Mas eu falei de CORRIMENTO!!!!

quarta-feira, 22 de outubro de 2008

Espanta Fodas ele é

Ao navegar na internet descobri neste spot algo que me intrigou profundamente. Houve um estúpido qualquer que a um pentelho do coma alcoólico disse: Podem falar bem ou mal de mim, mas por favor falem! Ora não podia estar mais de desacordo. O Sr. Paulo ao se insurgir contra a minha pessoa cometeu o maior dos pecados. O SR. Paulo errou e ele sabe que errou.
Não é verdade Sr. Paulo?
O Sr. Paulo vai pagá-las e com juros. Confesso que estou super irritado e não tenho aqui um Capri Sonne que sempre me acalma nestas alturas. Querias irritar-me Sr. Paulo? Conseguiste meu grande rinoceronte-de-java sem pêlo. Sim o SR. Paulo rapa-se todo! Diz que gosta de sentir a pele de piça de boi a roçar nas suas extremidades cheias de hepatites. Sim o Sr. Paulo faz colecção de hepatites e não troca com ninguém as que tem repetidas.
Sim eu sou um bêbado e um SDF*e já dormi em cima de mijo de SDF's* mas e o Sr. Paulo? Ah pois é toma lá! O Sr. Paulo já foi inclusivamente a um festa de bombeiros! O Sr. Paulo diz que se divertiu lá...pudera, era só mangueiras e gordos...Como o Sr. Paulo gosta de gordos...

Viste Sr. Paulo? Brincas com o fogo queimas-te Sr. Paulo!
Embrulha!!!


* SDF- Sem domicílio fixo


Sr. Paulo a facturar na festa dos Pompiers*


*Pompiers- Rabetas assumidos

terça-feira, 21 de outubro de 2008

Serviços S.A.

Ontem a minha mãe veio-me perguntar o porquê de só me ver de vez em quando ao fim de semana. Perguntou-me o que ando a fazer à semana para não pôr os pés naquela casa e se era por sentir nojo deles.

- Voltaste à droga meu filho? Se o teu pai deixou de consumir tu também consegues...Sei que é uma coisa espectacular mandar umas snifadelas em branca, mas não podes ser feliz a vida inteira. Tens de ser miserável como nós. Constituir família, comprar uma casa, ir passear de fato de treino aos domingos para o shopping...Faz-te um homem caralho.
- Mãe, não apareço à semana porque trabalho. Decidi que para manter alguns vícios tinha de trabalhar( sniff).
- Julgas que estás a falar com a Eunice Munoz? Ainda tenho uma pequena parte do cérebro que funciona. Não vales merda e não sabes fazer nada de jeito. Trabalhas onde?
- Numa multinacional (sniff)...
- Ah ok. Assim já entendo...Vai lá então limpar o vomitado do teu pai se faz favor e solta-o e leva-o a passear...Anda tão pálido!

Realmente trabalho numa multinacional na área dos serviços. Faço vários serviços, a maior parte deles são serviços internos mas por vezes sou chamado para fazer serviços externos. Um dos últimos serviços externos que fiz foi muito compensador profissionalmente e confesso que me deu um gozo tremendo. Em baixo segue o resultado do serviço completamente terminado.



Um serviço externo bem executado!

P.S - Parabéns Paizinho!

terça-feira, 14 de outubro de 2008

Ovos Moles usam Castrol GTX

Não gosto de bébés. Como se escreve? Será bébé? Será uma palavra com dois acentos? Não. O dicionário diz-me que se escreve bebé. Mas eu não gosto de escrever bebé e por isso sempre que me referir a esses rotos escreverei baby. Sempre que um amigo meu tem o azar de ter um desses babys não pára de chatear o pessoal até o ir ver.

- Tens de ir ver o baby, é tão fofinho o baby, já caga sozinho o baby e é tão inteligente o baby que quando quer mamar onde antes só eu mamava desata a chorar...Os dedos dos pés são tal e qual os da mãe e pelo queixo vê-se logo que é meu o baby....

Fico irritado por dizerem que os babys são todos tão fofinhos e tão bonitos...Já vi cada trambolho que me apetece vomitar...Há babys feios e que não deveriam ter passado das 10 semanas!!!!


Porque é que ninguém se vira para nós e diz algo do género?


-Tens de vir ver o meu avô pá. Ontem foi à casa de banho sozinho e já deixou as fraldas. Tens de o ver a rir...Fica tão querido com aqueles dois dentinhos...Ontem já deu dois passos e tomou banho sozinho o querido e às vezes quando olha para mim já me reconhece...pelo menos baba-se e diz ahggggg!


"Que faço eu neste mundo?"